5 motivos para sua empresa começar a fazer mascaramento de dados

A cada dia que passa, os dados se tornam mais valiosos para as empresas. E quando o valor de um ativo cresce, a necessidade de protegê-lo também aumenta – mascaramento de dados.

E para garantir a privacidade dos dados, evitar que eles sejam vazados ou roubados e dar maior segurança aos clientes, as empresas precisam mascará-los.

O mascaramento de dados consiste na criação de uma versão estruturalmente semelhante aos dados originais, mas não autêntica.

Se a sua empresa ainda não faz mascaramento de dados, então veja a seguir cinco motivos para começar o quanto antes.

  1. A ‘privacidade’ dos dados será sempre mantida

Com o mascaramento de dados, não importa em qual ambiente as informações serão expostas. A sua privacidade será sempre mantida.

Estes são alguns exemplos de métodos de mascaramento de dados:

  • E-mail: expõe apenas as três primeiras letras do nome do usuário e substitui o restante por X – criXXXXXXXX@XXXXX.com;
  • CPF: expõe apenas os três primeiros dígitos – 309.XXX.XXX-XX;
  • Número do cartão de crédito: expõe apenas os últimos quatro dígitos – XXXX-XXXX-XXXX-4400.

Isso impede a descoberta dos dados originais, tanto por usuários bem intencionados, cujo acesso à eles foi permitido, quanto por mal intencionados.

  1. As informações poderão ser utilizadas em vários ambientes

O mascaramento de dados também permite que as informações sejam utilizadas:

  • Em testes de aplicações;
  • Em análises de dados;
  • No setor de suporte e atendimento ao cliente;
  • Por empresas terceirizadas.

Independentemente do ambiente em que os dados serão expostos, eles ficarão completamente mascarados e protegidos.

  1. Os dados ficarão protegidos contra ataques internos e externos

Os dados das empresas estão sujeitos a dois tipos de ataques:

  1. Os internos, realizados por colaboradores mal-intencionados;
  2. Os externos, realizados por cibercriminosos.

Ambos representam um grande risco para a empresa e podem gerar grandes prejuízos para ela.

Mas com o mascaramento, os dados ficam protegidos tanto contra ataques internos como externos, mesmo que quem os promova aplique o processo de engenharia reversa.

  1. As leis e regulamentações serão cumpridas

Os governos e órgãos reguladores reconhecem a importância do mascaramento de dados. Eles sabem que isso é crucial tanto para manter a segurança das empresas como dos consumidores que compram seus produtos e aderem aos seus serviços.

É por isso que cada vez mais governos e órgãos reguladores estão exigindo o mascaramento de dados. E quem descumpre as leis e regulamentações relacionadas à privacidade de dados, acaba pagando uma multa bastante alta, tendo sua imagem afetada no mercado e perdendo vantagens competitivas.

No Brasil, ainda não existem leis rígidas relacionadas à privacidade de dados, nem ao mascaramento deles. Porém, o governo brasileiro já está atento a isso, e certamente criará nos próximos anos uma lei relacionada ao mascaramento de dados, que afetará todas as empresas.

  1. Sua imagem será melhorada no mercado

Conforme dissemos anteriormente, o governo brasileiro ainda não criou uma lei relacionada ao mascaramento de dados.

Porém, o público, tanto B2B como B2C, está atento a isso. Os consumidores querem que as empresas protejam seus dados e garantam a sua privacidade, pois sabem o quão prejudicial é o roubo ou o vazamento deles.

Por isso, dão preferência aquelas que fazem mascaramento de dados.

Quando uma empresa faz isso sem que o governo a obrigue, ela acaba sendo vista pelo público com bons olhos e ganhando mais clientes e vantagens competitivas no mercado. E isso ajuda a alavancar seus resultados.

Ficou satisfeito? Então conheça a solução de mascaramento de dados da KalTI ou entre em contato conosco caso tenha ficado com alguma dúvida!

Deixe uma resposta